segunda-feira, 11 de maio de 2015

O Poder do Hábito

O autor desse livro, o jornalista americano Charles Duhigg, afirma que bons hábitos são difíceis de adquirir enquanto que os ruins são
ainda mais complicados de serem abandonados. Para ele, todo hábito segue este ciclo:

1 – Um gatilho;
2 – Repetição de ações;
3 – Recompensa (resultado prazeroso).

A também  jornalista Nathália Fuzaro relatou, em seu depoimento a uma revista,  que começou sua mudança de hábitos com pequenos ajustes graduais em sua rotina:

- na primeira semana empenhou-se em beber mais água = mais hidratação;

- na segunda semana assumiu o compromisso de comer uma fruta no café da manhã = mais vitaminas;

- na terceira semana retornou à academia = melhora no condicionamento físico.

A partir daí, não parou mais. De passinho em passinho, isso foi sendo incorporado à sua rotina diária transformando-se me bons hábitos.


Nathália declarou: “comecei a sentir sede, passei a cumprir meu ritual de cosméticos e estou mais feliz por ter recuperado às rédeas da  vida”.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vou adorar ler seu comentário, além é claro, do prazer enorme de saber que passou por aqui.