Pular para o conteúdo principal

Medo da Inteligência


Quando Winston Churchill, ainda jovem, acabou de pronunciar seu discurso de estreia na Câmara dos Comuns, foi perguntar a um velho parlamentar, amigo de seu pai, o que tinha achado do seu primeiro desempenho naquela assembleia de vedetes políticas.
O velho pôs a mão no ombro de Churchill e disse, em tom paternal: “Meu jovem, você cometeu um grande erro. Foi muito brilhante neste seu primeiro discurso na Casa. Isso é imperdoável! Devia ter começado um pouco mais na sombra. Devia ter gaguejado um pouco. Com a inteligência que demonstrou hoje, deve ter conquistado, no mínimo, uns trinta inimigos”.
O talento assusta. Isso, na Inglaterra. Imaginem aqui, no Brasil!...
É pecado fazer sombra a alguém até numa conversa social.
Assim como um grupo de senhoras burguesas bem casadas boicota, automaticamente, a entrada de uma jovem mulher bonita no seu círculo de convivência, por medo de perder seus maridos, também os encastelados medíocres se fecham como ostras, à simples aparição de um talentoso jovem que os possa ameaçar.
Eles conhecem bem suas limitações, sabem como lhes custa desempenhar tarefas que os mais dotados realizam com uma perna nas costas...
Enfim, na medida em que admiram a facilidade com que os mais lúcidos resolvem problemas, os medíocres os repudiam para se defender.
Infelizmente, temos de viver segundo essas regras absurdas que transformam a inteligência numa espécie de desvantagem perante a vida.
Como é sábio o velho conselho de Nelson Rodrigues: "Finge-te de idiota, e terás o céu e a terra".
O problema é que os inteligentes costumam brilhar! Que Deus os proteja, então, dos medíocres!...
Resumi e adaptei o texto acima que recebi via e-mail, mas desconheço o autor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conserva de Pimentão Assado.

O pimentão sem a casca não é indigesto e ainda por cima fica adocicado e muito saboroso. Minha mãe fazia essa conserva e resolvi tentar. Fiz uma usando pimentões vermelhos e outra bem patriota, com pimentões verdes e amarelos.
Ingredientes: Pimentões; Sal; Pimenta calabresa; Azeite; Alho. Louro, orégano, alecrim e tomilho fresco.
Preparo: Esterilizei um vidro com tampa, colocando-o em água fervente, sem a tampa por alguns minutos. Retirei e deixei esfriar naturalmente sobre um pano de prato limpo com a tampa e o bocal voltados para baixo. Enquanto eles esfriavam lavei bem os pimentões.  Coloquei numa assadeira forrada com papel alumínio e um pouco de água. Deixei no forno baixo virando de vez em quando até que a pele escureceu por igual. Com esse procedimento a pele soltou facilmente. Retirei e deixei esfriar.   Depois, abri os pimentões com um corte vertical, separando-os em duas bandas. Retirei as sementes, reguei com azeite, sal e pimenta. Finalmente inseri as tiras de pimentão no …

Estrelas em Ponto Cruz

Garimpado no Pinterest